ONDE ESTAMOS

HORÁRIO

Rua Deputado Antonio Edu Vieira, 58, Florianópolis, SC

CEP 88040-000

Recepção:

Seg-Qui 8:00h às 12:00h 

Seg-Sex 13:30h às 17:30h

Demais horários

atendimento@educaador.com

FALE CONOSCO

Recepção - Telefone:

(48) 3371.3367

(48) 99677.0246

WhatsApp

(48) 99677.0246

Email: atendimento@educaador.com

Nome da empresa: Educa a dor - Tratamento multidisciplinar de dores crônicas Ltda 

CNPJ 10.582.637/0001-97. 

Endereço comercial:   Rua Deputado Antônio Edu Viera, 58,  Florianópolis, SC, Brasil - CEP 88040-000

Data estimada de entrega dos produtos: até  3 dias úteis após a confirmação do pagamento.

© 2023 by Nick Erickson Physiotherapy. Proudly created with Wix.com

Tendência mundial no tratamento da dor crônica: "Empowerment", "Coping"


As pesquisas de tratamento de dor crônica (fibromialgia, LER/DORT/AMERT, dor ciática,

enxaqueca,...) evidenciam a importância do Paciente Ativo, ou seja, de estratégias que auxiliem o paciente a desenvolver maneiras de enfrentar e vencer a dor crônica.

A equipe da Clínica Educa a dor oferece diversas abordagens para auxiliar o paciente na descoberta e utilização de técnicas/métodos para reduzir as crises de dor em intensidade e frequência.

O tratamento multidisciplinar é centrado no paciente, em suas percepções de dor e de sucesso, em seus medos e receios. Mas principalmente, em sua observação de conquistas diária.

Este movimento de educação em saúde é cada vez mais estudado em grandes universidades. No inglês, "empowerment" (algo como: empoderamento). Do ponto de vista clínico este termo significa que o profissional da saúde (médico, enfermeiro, fisioterapeuta, educador físico) deve permitir que você (paciente) aprenda e responsabilidade sobre sua condição de saúde. Este movimento vê o paciente como o protagonista no processo de tratamento e os profissionais de saúde tornam-se coadjuvantes (ao aplicar técnicas específicas). Alguns descrevem os profissionais de saúde como um "guia" nesta - longa - caminhada. Podemos fazer uma analogia com a alfabetização. Este processo inclui uma orientação para a identificação das letras, sílabas e palavras para enfim permitir a compreensão da linguagem escrita. Porém, sem o esforço do aluno de nada adiantaram as aulas e o esforço dos professores. Durante o tratamento da dor crônica nós seguimos passos semelhantes. As "Écoles Interactionnelles" (École du Dos) iniciam pela identificação dos sinais e sintomas, aplicação de diferentes técnicas e estratégias para o controle da dor, para enfim permitir a prevenção das crises, redução na duração e intensidade da dor.

Assim como no processo de alfabetização, devemos identificar qual idioma iremos falar (ex: português ou inglês). No caso da dor crônica devemos que identificar juntos (paciente e terapeuta) qual a linguagem da expressão e manifestação da dor em cada pessoa. Não há uma fórmula exclusiva para cada indivíduo, mas sim técnicas e métodos básicos que são adaptados e construídos de acordo com as necessidades de cada um.

Estar junto,

Guiar o processo de auto-conhecimento, aplicar estratégias para manejo da dor

- Importância e função do Profissional de Saúde do Século XXI -

Acredite sempre em seu potencial!

Siga em frente nesta caminhada em busca do tratamento da dor crônica

#refelxões

17 visualizações